segunda-feira, 1 de setembro de 2014

A CAMISINHA ASSASSINA - PRESENTE PARA AMADA AMIGA LISA FERNANDES







Após perder um dos testículos para a temível camisinha assassina, o detetive Luigi Mackeroni tenta eliminar a ameaça de látex, criada por seita de loucos que querem eliminar os tarados de Nova Iorque. Baseado nos quadrinhos de Ralph Konig.



Baixar Legendado Pelo Box 

Legendado pelo Storage 

Download Dublado pelo Storage


Dublado pelo Media


Legendado pelo media


Baixar Dublado pelo Mega

 Baseado uma história em quadrinhos criada pelo cartunista Ralf König (provavelmente depois de ingerir muitas substâncias proibidas), o enredo é relativamente simples e pontuado de situações cômicas, contudo se a ideia de um filme como esse já parece esquisita, ele ainda trata assuntos sérios e delicados como a homossexualidade, a liberação sexual e a prostituição o que certamente faria os produtores moralistas de Hollywood torcerem o nariz.
Em Nova York em um motel de segunda com um nome bem sugestivo, “Quickie” (em português algo como “Rapidinha“), um professor safadão tenta seduzir Phyllis Higgins (Meret Becker), uma gostosa aluna de sua classe em troca de aumentar sua nota, até então nenhum problema (hahaha). A princípio reluta, mas a necessidade fala mais alto e mesmo chorando, aceita a proposta do professor. Então quando o professor vai colocar o preservativo, eis que é uma camisinha carnívora que come o dito-cujo do rapaz, jorrando muito sangue.
Entram os créditos iniciais e na cena seguinte estamos no departamento de polícia de Nova York, onde o popular detetive Luigi Mackeroni (Udo Samel) é convocado em seu dia de folga pelo chefe de polícia (Ron Williams) para investigar o caso de Phyllis e de mais outros três casos iguais que aconteceram na mesma noite.
Mackeroni é um policial durão, siciliano truculento e não tira o cigarro da boca, como todos os investigadores de filmes americanos, não fossem por dois detalhes: O detetive é homossexual e é, bem, digamos, eh, um rapaz bem dotado.
E então Mackeroni vai à espelunca do motel Quickie para investigar e acaba se divertindo um pouco com o garoto de programa Billy (Marc Richter) quando encontra Bob Miller, ou como é mais conhecido, Babette (Leonard Lansink). Babette é um ex-policial que foi parceiro de Mackeroni, mas um dia enquanto bêbados, foram parceiros de outra maneira e depois dessa, Bob largou a polícia e virou um travesti que trabalha no Quickie, faz terapia e sonha com a Broadway (Caramba!!).
Babette ainda gosta de Mackeroni, faz algumas indagações malucas e enciúma com Billy, mas Mackeroni simplesmente ignora. Já no quarto, enquanto Mackeroni e Billy estão quase nos finalmente, uma camisinha colocada sobre o criado-mudo se move e pula para de baixo de um móvel, e quando Mackeroni vai ver o que se trata, a camisinha arranca fora o testículo direito (Ai, que dor!) do policial.
 Anteriormente cético, Mackeroni se convence da pior maneira possível de que existe uma camisinha assassina e leva para o lado pessoal, afinal além de perder uma bola, ele virou piada dentro do distrito e, como se não bastasse, os casos aumentam exponencialmente. Mackeroni resolve então, junto com seu novo parceiro – de serviço, ó mente poluída - Sam Hanks (Peter Lohmeyer) investigar o Quickie e acaba confirmando seu conceito, depois que mais uma vítima é castrada e após uma estranha perseguição nos corredores do hotel com o meliante conseguindo fugir. Mesmo assim é ridicularizado e afastado do caso, então ele volta para sua casa e vai tomar um banho, ao passo que Babette invade seu apartamento para acertar contas com ele, em uma divertida cena que satiriza o clássico Psicose.
Só que o travesti sem saber trouxe uma das camisinhas assassinas e para pegá-la Mackeroni tem a ideia de usar uma mangueira de gás como isca. Funciona, mas a camisinha explode e é encaminhada para uma “autópsia“. Na investigação é descoberto que na realidade a camisinha é um organismo complexo e primitivo, feito com tecido humano (!!) e concebido por experiências genéticas, o que é um conceito meio forçado, parecendo que veio de um episódio de Arquivo X.
 Eis que chega a cidade um candidato à presidência, McGouvern (Georg-Martin Bode), que prega a moral e os bons costumes, só que ele também dá as suas escapadinhas e também acaba atacado, fato que vaza para a imprensa e faz com que o chefe de polícia fique em uma situação desconfortável tendo que admitir publicamente que existem camisinhas assassinas à solta, o que transforma a corporação em uma grande piada.
As investigações continuam e chegam ao nome do renomado Dr. Boris Smirnoff (Ralf Wolter), especialista em derivados de borracha e que estava passando a dedicar tempo a pesquisa genética e está desaparecido. Para tentar alguma pista, Sam é forçado a se disfarçar e investigar em boates gays, em uma cena desnecessária, mas hilária.
Quando em um dos acasos da vida (e usando uma solução de roteiro bem da vagabunda), aparece na delegacia uma mulher de fala confusa que teve o nariz mordido por uma das camisinhas,  os policiais vão para um hospital localizado dentro de uma igreja, onde elas são fabricadas e os envolvidos e as intenções são reveladas, com direito até a uma super-camisinha monstro para o seu, cof, cof, aham… membro avantajado.
 Enfim, é um filme de diversão rasteira e despretensiosa que tem grande potencial de se tornar um cult. Quem não se incomoda em ver dois homens se beijando em um elevador vai curtir bastante. 


 LIZA FERNANDEZ

Que você tenha toda a alegria que seu coração pode aguentar, todos os sorrisos que um dia pode trazer, todas as bênçãos que uma vida pode conter, que você alcance o melhor do mundo em tudo.
No seu futuro, que você possa seguir seus sonhos e sempre acreditar em si mesma. Mantenha os seus olhos nas estrelas, esperança no coração e deixe o resto para Deus!
  Feliz Aniversário!


3 comentários:

  1. Feliz Aniversário Liza!
    Espero que o teu dia tenha sido muito feliz.
    Bjinho

    ResponderExcluir
  2. LIZA AMIGA PARABÉNS E QUE SEU DIA TENHA SIDO MUITO ESPECIAL PARA VC AMADA !!!! E QUE ESSA DATA SE REPITA POR MUITOS ANOS !!!!

    ResponderExcluir
  3. obrigada meninas, vcs ajudaram a fazer meu dia mais especial,bjs lindas

    ResponderExcluir

Todos tem direito a uma opinião mas lembre-se...
O direito de um termina onde
começa o direito do outro!