sábado, 25 de outubro de 2014

Carandiru

Enviado pela Querida Irmã zira



Um médico (Luiz Carlos Vasconcelos) se oferece para realizar um trabalho de prevenção a AIDS no maior presídio da América Latina, o Carandiru.
Lá ele convive com a realidade atrás das grades, que inclui violência, superlotação das celas e instalações precárias.

Porém, apesar de todos os problemas, o médico logo percebe que os prisioneiros não são figuras demoníacas, existindo dentro da prisão solidariedade, organização e uma grande vontade de viver.




Rodrigo Santoro interpretou o travesti Lady Di, do filme Carandiru, de Hector Babenco, em 2003. Com o personagem, também foi discutido a questão da transmissão de HIV. Lady Di é um preso transexual que pretende se casar e que faz o teste de HIV com o médico que visita a prisão, para garantir a saúde de seu relacionamento. Ao revelar seu histórico sexual, conta que se prostituiu e que teve mais de dois mil parceiros dentro do presídio. Lady Di casa, vestido de noiva, com o personagem Sem Chance (Gero Camilo) em uma cerimônia improvisada. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos tem direito a uma opinião mas lembre-se...
O direito de um termina onde
começa o direito do outro!