terça-feira, 30 de maio de 2017

Anjos da Noite - 1987


Um flagrante do painel fragmentado da noite paulista... O diretor Wilson Barros, em seu único filme, mostra um cruel e realista painel da noite paulista, com seus personagens mais característicos, como artistas, bandidos, travestis, prostitutas e toda sorte de michês que estão á procura de amor e aventura. A trama se desenrola a partir de dois crimes que ocorrem no mesmo dia e envolvem direta ou indiretamente a vida de doze personagens. No início da noite, o secretário de um industrial é
brutamente assassinado por um vendedor ambulante negro, em meio a um engarrafamento. O segundo crime é na madrugada: o corpo nu de um jovem é encontrado na banheira ensangüentada do apartamento de um ator conhecido. Um conto cinematográfico sobre a solidão dos habitantes da noite.

Um comentário:

  1. Filme nacional com elenco espetacular, se passando basicamente à noite na cidade de São Paulo. O filme tem vários personagens e suas histórias,algumas interessantes e outras nem tanto.Eu acho que o filme envelheceu um pouco, mesmo algumas histórias ainda sendo atuais, ele peca pela falta de ritmo e um roteiro melhor elaborado. Não é um filme ruim, só é mal aproveitado o seu grande elenco. Obrigado a Vanda Fla pela postagem, pois ainda sempre é bom prestigiar o cinema Nacional!

    ResponderExcluir

Todos tem direito a uma opinião mas lembre-se...
O direito de um termina onde
começa o direito do outro!